samukadistribuicao@yahoo.com.br - (48) 3333-0557

Curiosidades sobre o Charuto

A cor dos charutos

A variação na cor da capa depende do quanto essa folha foi processada, dos diferentes tipos de fumo e de solo, e da quantidade de luz solar que a folha ficou exposta.

Double claro ou candela:
Double claro
Coloração entre o verde claro e o amarelo. Obtido graças ao processo térmico de secagem rápida que retém a clorofila das folhas de capa, gerando uma capa mais adocicada;

Claro:
Claro
Castanho amarelado e claro. Obtido através do cultivo do fumo à sombra. Essas capas têm gosto neutro;

Colorado claro ou Natural:
Colorado claro
Marrom-claro. Na maioria das vezes é a cor de capas cultivadas ao sol;

Colorado:
Colorado
entre o marrom-médio e o vermelho-escuro. Trata-se de capas cultivadas à sombra, caracterizadas por aroma e sabor sutil;

Colorado maduro:
Colorado Maduro
um tom pouco mais escuro que o colorado;

Maduro:
Maduro
têm uma variação desde o marrom-avermelhado muito escuro ao quase preto. Resultado de um processo de fermentação mais longo e em condições mais quentes que as normais. Tem aroma suave, sabor encorpado e adocicado;

Oscuro:
Oscuro
mais escuro que o maduro. É obtido deixando as folhas o maior tempo possível na planta.Utilizam as folhas de intensidade 1 que recebe maior quantidade de luz solar e as deixam fermentando pelo maior tempo possível. Geralmente, provenientes do Brasil e México.

Armazenamento de charutos

Para armazenar corretamente nossa linha de charutos premium: Arturo Fuente, Cuesta Rey, Opus X, Quorum e Don Diego; a temperatura deve estar entre 18º-20ºC e a umidade do ar entre 70-75%. Para isso o mais recomendável é que se tenha um umidor:

O que é um umidor? Quais são as partes que o constituem?

O umidor é o tipo de uma caixa que propicia a correta armazenagem de seus charutos, até mesmo dentro de um longo período de tempo. O mais comum são os umidores de mesa, o qual demonstraremos a seguir.

Umidor

Para a parte externa de um umidor existem diferentes tipos de material. O melhor e mais bonito são os feitos de madeira. Ele pode ser tanto de cedro quanto de madeira rosa ou nogueira.

1) A Tampa
A qualidade mais importante da tampa é seu peso. Quando seu peso não é o apropriado, o umidor não fechará perfeitamente, conseqüentemente não proporcionará um ambiente adequado para manter as propriedades de um charuto. Para adquirir o peso correto a tampa deve ser feita de madeira maciça. A tampa pode levar uma grande variedade de decoração ou impressões. Isso não altera a qualidade dos umidores, apenas agrega mais valor a eles. Existem umidores com a tampa de vidro, usada em lugares públicos, por exemplo, restaurantes porque com isso as pessoas não precisam levantar a tampa para ver o conteúdo do umidor, porém a tampa de vidro gera muitos pontos de contato que são difíceis de isolar, com isso o ar interno pode escapar ficando mais difícil de manter as propriedades dos charutos. Por isso, com umidores com tampas de vidro devemos tomar muito cuidado ao expor a luz do sol ou fortes lâmpadas, pois a temperatura interna pode ser elevada facilmente.

A Tampa

2) A Dobradiça
As dobradiças são colocadas na parte do fundo do umidor, sempre internamente. Com isso a tampa fica mais fácil de abrir e também ela pode ficar aberta a 90º enquanto você escolhe seu charuto.

A Dobradiça

3) O Umidor internamente
Diferentemente da parte externa, a parte interna de um umidor é feita apenas com cedro. Característica típica do cedro, o ar passa através dele, deixando o ar interno com temperatura e umidade constante. Normalmente os umidores podem ser fabricados a partir de três tipos de cedro: Cedro Espanhol Defendido por muitos experts como o melhor tipo de cedro para a parte interna do umidor, o cedro Espanhol. A maioria das fábricas Dominicanas e Cubanas utiliza tal cedro em suas caixas devido, principalmente, por ser muito resistente as lasiodermas (bicho dos charutos), além do seu aroma peculiar e por acrescentar um sabor especial ao charuto. Ao contrário do que muitos pensam, a árvore por si não é originária da Espanha e sim do Brasil e outras localidades da América do Sul e Central. Cedro Americano Vermelho Comparado ao cedro Espanhol, sua qualidade em preservar a temperatura e umidade é mais fraca e proporciona um aroma mais forte que pode ser pouco desagradável após um longo período de armazenamento. Cedro Hondurenho Sua qualidade em preservar a temperatura e umidade é equivalente ao do cedro Espanhol, porém o Hondurenho tem um aroma mais suave, deixando de acrescentar aquele sabor extra ao charuto, e não é tão resistente contra as lasiodermas.

4) Umidificação
O objetivo de umidificar é manter constante o nível de umidade e temperatura dentro do umidor. Geralmente os umidores já vêm acompanhados de um umidificador, os quais são feitos de metal ou plástico e contêm uma esponja dentro deles. Ao ser molhado, a água evapora lentamente e mantêm a umidade do ar constante. Dependendo do tamanho do umidificador, ele pode gerar umidade mais alta ou mais baixa e isso vai depender do tamanho de cada umidor. Os umidores tradicionalmente vêm com os umidificadores na tampa da caixa, porém o mais eficiente é deixar o umidificador na parte de baixo da caixa, pois ao evaporar a água todos os charutos são umedecidos uniformemente.

Umidificação

5) Higrômetro
Todos esforços para manter as propriedades dos charutos são em vão se não conseguirmos medir os resultados. Para isso serve o higrômetro, com ele somos capazes de seguir as mudanças de temperatura e umidade o tempo todo. Existem dois tipos de higrômetros disponíveis hoje em dia: o analógico e o digital. No ponto de vista estético, o analógico é muito melhor, pois combina perfeitamente no estilo de um umidor.

Higrômetro

A solução moderna é o higrômetro digital, porém os digitais mais exatos costumam ser muito mais caro que os analógicos e mesmo assim não reagem imediatamente a mudanças de umidade e precisam de baterias constantemente. Por outro lado são fáceis de ler e oferecem um termômetro junto.

6) Vedação perfeita
Uma tampa pesada não é o suficiente para fechar o umidor perfeitamente, por isso os umidores possuem uma sobra de madeira que veda por inteiro a caixa. Esta margem pode ser colocada tanto na parte superior quanto na parte inferior.

7) Separadores e prateleiras
Eles são utilizados para separar os charutos de diferentes tamanhos dentro do umidor. Os separadores nada mais são do que pedaços de cedro que ajudam a organizar os charutos e evitar a mistura de aromas de charutos diferentes. Já as prateleiras são utilizadas em umidores maiores a fim de acomodar os charutos em dois andares.

Separadores e prateleiras

A estrutura do charuto

1) Miolo

O Miolo é composto de diferentes tipos de folhas de tabaco. É nele que mais se concentra o sabor do charuto. É constituído de uma mistura das três camadas da planta e pode ser de dois tipos:

Miolo Miolo

2) Capote

São folhas que envolvem e sustentam o miolo e são escolhidas as mais flexíveis e resistentes que se encontram na parte inferior da planta. O capote pode ser de folha natural ou de folha de tabaco homogeneizada (que é composta de 99% tabaco e 1% celulose).

Capote

3) Capa

Seria o acabamento do charuto, servindo para envolver o capote e deve ter uma coloração uniforme. Os charutos de sabor suave, geralmente, possuem uma capa Sumatra, Java ou Connecticut. Já os charutos encorpados são feitos com capa do Brasil, Colômbia, México ou Cuba.

Capa

Degustando um charuto

Passo 1
Ao acender do charuto, mantenha a chama aproximadamente a 1,5 centímetros da parte superior do charuto. Aspire repentinamente e lentamente, girando-a para que se acenda uniformemente. Evite manter o charuto no meio da chama para que não estrague a capa.

Passo 2
Um charuto não deve ser sustentado entre os dentes e nem mastigado, pois isso pode cortar a capa e danificar o charuto.

Passo 3
Evite aspirar violentamente; isso leva à temperaturas muito altas, além de produzir um sabor áspero.

Passo 4
A melhor maneira de degustar seus charutos é deixar um pouco da fumaça na boca, para que o sabor se desenvolva dentro dela.

Passo 5
A hora certa de se parar de fumar um charuto depende do gosto, prazer e satisfação de cada pessoa. Ainda que se possa acendê-lo depois de apagado, é preferível que o mantenha aceso e continue, fumando com menos intensidade.

Passo 6
Ao terminar o charuto, não é necessário esmagá-lo para apagar. Coloque-o em um cinzeiro e ele se apagará lentamente sem causar odores desagradáveis.

Charutos que trabalhamos
* PHILLIES * VILLIGER * DON DIEGO * LA PAZ * TAMPA NUGGET * WILLEM * DON PORFIRIO * QUORUM * ARTURO FUENTE * CUESTA REY * GUANTAMERA *
Samuka Distribuição e Representação LTDA Rua Edson Areas, 87 - Trindade - Florianópolis - SC - CEP 88036-070
samukadistribuicao@yahoo.com.br
(48) 3333-0557
Samuka Distribuição e Representação LTDA Rua Edson Areas, 87 - Trindade - Florianópolis - SC - CEP 88036-070
samukadistribuicao@yahoo.com.br
(48) 3333-0557