samukadistribuicao@yahoo.com.br - (48) 3333-0557

Curiosidades sobre o Narguile

A história do Narguile

Narguile é um cachimbo de água. Além desse nome, de origem árabe, também é chamado de hookah (na índia e outros países que falam inglês), shisha ou goza (nos países do norte da África), narguilê, narguila, nakla, arguile etc. Hà diferenças regionais no formato e no funcionamento, mas o princípio comum é o fato de a fumaça passar pela água antes de chegar ao fumante. É tradicionalmente utilizado em muitos países do mundo, em especial no Norte da África, Oriente Médio e Sul da Ásia. Hoje em dia está praticamente voltado a moda neo-Narguile entre jovens.

O Narguile tem como origem o Oriente. Uma das versões é de que o narguile teria sido inventado na Índia no século XVII, pelo médico Hakim Abul Fath, como um método para reitrar as impurezas da fumaça. Quando chegou à China, passou a ser utilizado para fumar o ópio, e assim permaneceu até a revolução comunista, no fim da década de 40. Na mão dos árabes, o cachimbo de água foi rapidamente incorporado para ser apreciado em grupo, acompanhado de café e prosa. Existem evidências históricas de narguiles na Pérsia e na Mesopotâmia. As peças mais primitivas eram feitas com madeira e um coco que fazia o lugar do corpo ( o nome origina-se do persa nârgil, que significa “coco”). Com o desenvolvimento das civilizações e as expansões territoriais ( principalmente dos países europeus). Com o desenvolvimento das civilizações e as expansões territoriais (principalmente dos países europeus), o narguile, já similar ao que conhecemos hoje (com base de cerâmica ou porcelana e corpo de metal), começou a ser divulgado e trazido junto com especiarias como cravo e canela.

As Cruzadas também auxiliaram a espalhar o narguile pelo mundo, quando os guerreiros sobreviventes traziam-no para seus países. No Brasil, o narguile foi trazido por alguns imigrantes europeus, e divulgado pelas colônias turca, libanesa e judaica.

As partes do Narguile

Narguile

Base: Assemelhasse a um vaso. Onde colocamos a água (ou com outros líquidos,como vodka, arak, sucos ou essências naturais). Geralmente é feito de vidro, metal ou cerâmica. Alguns são bastante ornamentados, com decorações pintados em dourado, prateado ou outras cores. O nível da água deve possibilitar que o tubo fique imerso na água em pelo menos dois dedos.. A água limpa a fuligem queimada do tabaco. Sempre que pegar um narguilé, segure pela base. Isso evita a queda, com a quebra de partes do narguile.

Corpo: É a peça cilíndrica que sustenta o fornilho e conecta-se à base. Na base projeto um tubo para dentro da água, por onde conduz a fumaça do fornilho para o vaso e, em seguida, para a mangueira. É feito de metal. Precisa ser bem encaixado no vaso para impedir a circulação de ar. A maioria dos narguilés vêm com uma borracha interna que faz a vedação. Sem ela, é preciso usar veda-rosca (internamente) ou filme de PVC (externamente).

Mangueira: É por onde aspiramos a fumaça do narguilé, fazendo bolhas na água dentro do vaso. Pode haver mais de uma mangueira para que mais pessoas fumem juntas.

Fornilho: É o local onde colocamos o fumo. Fica no topo do narguilé e, geralmente, é feito de cerâmica, ou metal. Deve ser vedado e bem encaixado no tubo, para não deixar o ar escapar. Antes de colocar o fumo, use uma faca, canivete ou a própria pinça de segurar o carvão para deixá-lo bem solto. Encha o fornilho sem apertá-lo e cubra com uma folha de papel-alumínio. Com um palito, faça pequenos furos em toda a superfície do papel alumínio, de maneira uniforme.

Prato: Fica abaixo do fornilho e é onde caem as cinzas do carvão.

Pinça: É o acessório utilizado para manejar o carvão.

Carvão: Existem dois tipos principais para narguilé: o carvão mineral e o carvão pastilha. Para acender, use uma pinça para segurá-lo. Segure o carvão diante de um maçarico ou no fogão por alguns minutos, sempre virando-o para queimar por inteiro. Caso o carvão não fique avermelhado, incandecente, você precisará fazer grande esforço para succionar.

Charutos que trabalhamos
* PHILLIES * VILLIGER * DON DIEGO * LA PAZ * TAMPA NUGGET * WILLEM * DON PORFIRIO * QUORUM * ARTURO FUENTE * CUESTA REY * GUANTAMERA *
Samuka Distribuição e Representação LTDA Rua Edson Areas, 87 - Trindade - Florianópolis - SC - CEP 88036-070
samukadistribuicao@yahoo.com.br
(48) 3333-0557
Samuka Distribuição e Representação LTDA Rua Edson Areas, 87 - Trindade - Florianópolis - SC - CEP 88036-070
samukadistribuicao@yahoo.com.br
(48) 3333-0557